Ligue 180 é divulgado em campanha da Rede Globo em defesa das mulheres, estrelada pela atriz Lília Cabral

Com informações do portal G1/Cidadania

 

LiliaCabral“Na televisão é fácil apagar as marcas da violência. Na realidade, não. Nós já conquistamos muitos direitos. Mas se não lutarmos para defender cada um deles, tudo isso pode ser apagado. Como uma maquiagem na televisão. Seja mulher, denuncie”, diz a atriz Lília Cabral em filme publicitário da Rede Globo por ocasião do Dia Nacional da Mulher. A data comemorada em 30 de abril marcou o início da veiculação da campanha. Ao final da peça, o Ligue 180 – Central de Atendimento à Mulher, da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR), é recomendado com o canal de informação e orientação sobre violência de gênero.

De acordo com a Rede Globo, o filme será exibido até o dia 14, em rede nacional, nos intervalos da programação da emissora. Nos bastidores da gravação, Lília Cabral que interpretou Catarina, uma mulher que apanhava do marido Leonardo (Jackson Antunes) na novela A Favorita, deixou um recado para mulheres que, como a personagem, sofrem com a violência dentro de casa.

“Mexe com a nossa autoestima, mexe com os nossos valores. A mulher sempre lutou muito para se colocar na sociedade. Então, quando ela é agredida ou tem que disfarçar que foi agredida, ela se desmerece, ela não se reconhece (…). É como tentar se livrar de uma droga. Eu entendo essa situação de violência. E se não conseguiu resolver na primeira, na segunda ou na terceira vez, o que tenho a dizer é que não desista. Entendo perfeitamente este passo a passo até você ter coragem de ir lá e falar”, considera a atriz.

Neste ano, as Organizações Globo promoverão a Ação Global Mulheres, que se iniciará em 18 de maio. O evento acontecerá em 30 cidades e oferecerá serviços e atendimentos gratuitos nas áreas de saúde preventiva, direito e lazer, com mais atenção para o público feminino.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.